Primeira servidora voluntária do TRE/AL já iniciou trabalho na Biblioteca

O Programa de Serviço Voluntário da Justiça Eleitoral em Alagoas foi instituído em 2019 e tem duração de doze meses.

Servidora Voluntária

A primeira servidora voluntária do Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL), Janiclézia de Araújo Santos, assinou seu termo de adesão e já iniciou seu trabalho. Janiclézia é servidora municipal e graduanda em Biblioteconomia pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e ficou sabendo da oportunidade através de um amigo. O Programa de Serviço Voluntário da Justiça Eleitoral em Alagoas foi instituído em 2019 e tem duração de doze meses.


Para Janiclézia, apesar do pouco tempo atuando no Tribunal, o trabalho voluntário está sendo de grande proveito para aplicar tudo o que ela está vendo na faculdade, além de melhorar o seu aprendizado. “Eu consigo colocar em prática tudo o que eu estou vendo lá, e ao mesmo tempo eu consigo assimilar melhor o conteúdo. Eu já consigo ver diferença no meu aprendizado” afirmou a voluntária.

 

Para Vera Lúcia Ferreira de Oliveira, responsável pela seção da Biblioteca, editoração e arquivo do TRE, vinculada à Coordenadoria de Jurisprudência e Documentação, que integra a Secretaria Judiciária, nas primeiras semanas de trabalho voluntário a servidora já contribuiu efetivamente para melhorias na Biblioteca. “A primeira semana de trabalho dela foi contundente. Ela já começou a aplicar os conhecimentos teóricos que ela tem da faculdade”, afirmou Vera Lúcia.


A Biblioteca, recentemente, passou por uma reforma que inclui melhorias e novas aquisições. Entre elas está a atualização e reorganização de seu acervo, visando um melhor aproveitamento por parte de seus usuários.


Segundo Cliciane de Holanda Ferreira Calheiros, secretária judiciária do TRE/AL, o trabalho da servidora voluntária veio para contribuir com o setor. “O programa é benéfico para as duas partes, tanto para o Tribunal, enriquecido pelo trabalho voluntário qualificado, quanto para a servidora, que se favorece do aprendizado na prática. Nesse contexto, a servidora ganha oportunidade, experiência e conhecimento empírico”, destacou a secretária.


Com duração de doze meses, prorrogáveis uma única vez por igual período, a critério do supervisor, a carga horária do serviço voluntário corresponde a duas horas diárias, em pelo menos dois dias por semana e, no máximo, quatro horas diárias, em cinco dias por semana.


O Programa de Serviço Voluntário do TRE/AL foi instituído através da Resolução nº 15.959. Para se inscrever no programa, o interessado deve preencher uma ficha disponível no site, além de apresentar currículo, comprovação de escolaridade e titulação, cópias de documento de identidade, CPF, comprovante de residência, certidões de antecedentes criminais da Justiça Estadual e Federal e uma foto 3x4. Todos os voluntários terão cobertura de seguro de acidentes do trabalho, ficando o pagamento do prêmio sob a responsabilidade do TRE/AL.

Últimas notícias postadas

Recentes