TRE/AL disponibiliza RAE online para facilitar requisição do eleitor

O documento deve ser digitalizado e encaminhado, via e-mail, para os cartórios eleitorais.

Acesso online

O Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL) disponibilizou em seu portal (www.tre-al.jus.br) o RAE – Requerimento de Alistamento Eleitoral, para facilitar o acesso de quem desejar fazer o alistamento eleitoral ou a transferência de domicílio. O documento deve ser digitalizado e encaminhado, via e-mail, para os cartórios eleitorais.


“Anteriormente, a requisição do envio do RAE era feita ao cartório eleitoral que, posteriormente, encaminhava o documento através do e-mail do eleitor. Agora, o documento está disponível para download no portal do Tribunal, facilitando o acesso dos interessados e diminuindo os trâmites nos cartórios eleitorais”, explicou o presidente do TRE/AL, desembargador Pedro Augusto Mendonça de Araújo.


O desembargador ressalta, ainda, que o prazo para que o eleitor solicite seu alistamento ou a transferência de domicílio termina no dia 06 de maio. “Até esta data, estamos operacionalizando nossos serviços dentro dos prazos vigentes para as eleições deste ano”, complementou o magistrado.


O Requerimento de Alistamento Eleitoral está disponível na aba Eleitor e Eleições >> Alistamento Eleitoral, onde está disponibilizado o link para fazer o download automático do documento. A lista completa com os endereços eletrônicos de todos os cartórios eleitorais alagoanos também está disponível no portal do TRE/AL.


Requerimento de Revisão de Dados Cadastrais


Na última segunda-feira (06), uma Portaria conjunta da Presidência e da Corregedoria Regional Eleitoral (CRE) autorizou a realização da operação de revisão eleitoral em inscrições com restrições que afetem o exercício do voto. Também através dos e-mails dos cartórios eleitorais, o eleitor pode formalizar a requisição do Requerimento de Revisão de Dados Cadastrais.

Últimas notícias postadas

Recentes

TRE esclarece: eleição suplementar em Campo Grande teve 27 seções eleitorais, com 23 urnas eletrônicas.

O Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL), através do Núcleo Permanente de Combate à Desinformação, esclarece que, na eleição suplementar de Campo Grande, houve 27 seções eleitorais, contudo, em virtude do baixo número de eleitores, quatro delas, quais sejam, a 149, 150, 151 e 158 foram agregadas à seção 156, de modo que, na referida eleição, funcionaram efetivamente 23 urnas eletrônicas,

NOTA PÚBLICA - COPTREL

O Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais do Brasil - COPTREL, em razão dos últimos acontecimentos, vem a público manifestar solidariedade aos Ministros do Egrégio Supremo Tribunal Federal e às suas famílias.